União Europeia

Política de transportes da UE

Política de transportes da UE

Transportes seguros, sustentáveis e conectados

A política de transportes da UE contribui para o dinamismo da economia europeia através do desenvolvimento de uma rede moderna de infraestruturas que torna as viagens mais rápidas e seguras, ao mesmo tempo que promove soluções digitais e sustentáveis.

Os transportes são uma pedra angular da integração europeia e são indispensáveis à livre circulação das pessoas, dos bens e dos serviços. O setor dos transportes contribui também de forma significativa para a economia, representando mais de 9 % do valor acrescentado bruto da UE. Por si só, os serviços de transporte representaram cerca de 664 mil milhões de euros em valor acrescentado bruto em 2016 e empregam cerca de 11 milhões de pessoas.

A transição para meios de transporte sustentáveis e inovadores desempenha um papel importante na realização dos objetivos da UE em matéria de energia e clima. À medida que as nossas sociedades se tornam cada vez mais móveis, a política da UE apoia o setor dos transportes para encontrar uma resposta para os grandes desafios com que este se confronta:

  • o congestionamento, que afeta o tráfego rodoviário e aéreo
  • a sustentabilidade: os transportes ainda dependem do petróleo para satisfazer a maior parte das suas necessidades energéticas, o que é ambientalmente e economicamente insustentável
  • a qualidade do ar: até 2050, a UE deve reduzir as emissões dos transportes em 60 % relativamente aos níveis de 1990 e continuar a reduzir a poluição causada pelos veículos
  • as infraestruturas: a qualidade das infraestruturas não é uniforme em toda a UE
  • a concorrência: o setor dos transportes europeu enfrenta uma concorrência crescente de mercados de transportes em rápido desenvolvimento noutras regiões do mundo

 

Back to top