União Européia

Fundação Europeia para a Formação (ETF)

Fundação Europeia para a Formação (ETF)

Em síntese

  • Missão: apoiar o desenvolvimento humano nos países vizinhos
  • Diretor: Cesare Onestini
  • Criada em 1994
  • Número de efetivos: 130
  • Sede: Turim (Itália)
  • Sítio Web: ETF

No contexto das relações externas da UE, a Fundação Europeia para a Formação (ETF) ajuda os países vizinhos a tirar o máximo partido das capacidades e aptidões dos seus cidadãos através da reforma dos respetivos sistemas de ensino e formação profissionais (EFP) e mercado de trabalho.

O que faz

A Fundação Europeia para a Formação apoia o desenvolvimento humano em 29 países parceiros (no sudeste da Europa e na Turquia, na Europa oriental, no Mediterrâneo meridional e oriental e na Ásia central), ajudando a conceber, executar e avaliar políticas e programas para:

  • promover a inclusão social e a mobilidade social
  • reformar os sistemas de ensino e formação
  • melhorar a adequação das capacidades desses sistemas às necessidades do mercado de trabalho

Para tal, a Fundação apoia os esforços envidados pelos países parceiros para promover políticas eficazes assentes em dados concretos que promovam a participação cívica e o bem‑estar, modernizem o ensino e a formação profissionais e os adequem à procura do mercado de trabalho, tanto a nível nacional como internacional.

A Fundação também coadjuva a UE na prestação de assistência aos seus países parceiros, contribuindo com conhecimentos especializados para a conceção, execução, acompanhamento e avaliação da ação da UE e apoiando o diálogo político.

As atividades da Fundação são descritas no seu programa.

Estrutura

O Conselho de Administração da Fundação é constituído por:

  • um representante de cada país da UE
  • três representantes da Comissão Europeia
  • três peritos independentes nomeados pelo Parlamento Europeu
  • três observadores dos países parceiros

O Conselho de Administração é presidido por um dos três representantes da Comissão Europeia e reúne-se duas vezes por ano para debater e aprovar o programa de trabalho e o orçamento anual.

O Conselho de Administração nomeia o diretor da Fundação por um período de cinco anos, prorrogável por três anos.

A Fundação emprega especialistas na área das políticas e sistemas de ensino e formação profissionais e mercado de trabalho, bem como pessoal administrativo e da área da comunicação.

Como funciona

O ensino e a formação profissionais, o desenvolvimento humano, as competências e a migração estão interligados. A Fundação colabora com países parceiros em sete áreas fundamentais:

A Fundação coopera estreitamente com:

Beneficiários

Os trabalhadores formados e qualificados, que têm mais probabilidades de encontrar emprego no seu país de origem, o que os torna menos vulneráveis à exclusão social, à pobreza e à migração irregular.

Os países parceiros, que beneficiam de uma maior prosperidade e estabilidade, criando mais oportunidades para o comércio e o investimento.

Os países da UE, que têm a possibilidade de recrutar trabalhadores qualificados que vêm para a Europa de forma mais regulada, para colmatar a escassez de mão-de-obra qualificada decorrente da evolução demográfica.

Contacto: 

Fundação Europeia para a Formação(ETF)

Contacto

Endereço: 

Villa Gualino

Viale Settimio Severo 65

I-10133 Torino

Italia

Tel: 
+39 011 630 22 22
Fax: 
+39 011 630 22 00
Back to top