Portal Europeu da Juventude

Informações e oportunidades para os jovens na Europa.

A picture
© fotolia.com - Robert Kneschke

Como funcionam os sistemas de ensino europeus?

Tem curiosidade em saber como funcionam as escolas e as universidades de outros países?

Ensino básico e secundário

A maior parte dos alunos europeus perfaz, pelo menos, 9 ou 10 anos de escolaridade.  Uma vez que a escolaridade obrigatória varia de país para país, a idade para entrar para a escola também é variável, embora se situe geralmente entre os 5 e os 6 anos de idade.

Os sistemas de ensino europeus asseguram uma formação geral e diversificada, transmitindo aos alunos os conhecimentos e as competências essenciais de que necessitarão no futuro. Embora cada país da UE seja responsável pelo seu próprio sistema de ensino e pelos respetivos conteúdos, a Comissão Europeia apoia os esforços empreendidos a nível nacional para melhorar a sua qualidade.

 

Ensino superior

Existem na Europa cerca de 4000 instituições de ensino superior, com mais de 19 milhões de estudantes e 1500 mil funcionários.  Ano após ano, as universidades europeias ocupam lugares de destaque entre as 100 melhores universidades do mundo.  Apesar disso, as propinas pagas pelos estudantes não são, em geral, muito elevadas.

Graças a um sistema simplificado de equivalência dos cursos, das qualificações e das oportunidades de investigação propostos pelas universidades europeias, nunca foi tão fácil fazer uma parte dos estudos no estrangeiro ou obter o reconhecimento de um diploma universitário para ir trabalhar para outro país da UE.  

 

Ensino e formação profissionais

O ensino e a formação profissionais permitem-lhe adquirir as competências necessárias para competir no atual mercado de trabalho global. Este tipo de aprendizagem, que combina teoria e prática, é característico de determinados setores ou carreiras profissionais.  Pode constituir uma alternativa ao programa de estudos do ensino secundário, pós-secundário ou superior, embora não seja equivalente a um curso superior.

 

De acordo com os últimos dados disponíveis do Eurostat, existem na Europa mais de 93 milhões de alunos inscritos em todos os níveis de ensino, desde o ensino primário aos cursos de pós‑graduação.