Percurso de navegação

Frequentar uma escola noutro país da UE

  • Os meus filhos não falam bem a língua do país para onde nos mudámos. Isso significa que, apesar de ser bastante mais caro, teremos de os inscrever numa escola internacional?

    NÃO - Como cidadãos da UE, os seus filhos têm o direito de frequentar as escolas de qualquer outro país membro nas mesmas condições que os cidadãos desse país. Independentemente dos conhecimentos linguísticos, os seus filhos têm o direito de se inscrever numa turma equivalente à que frequentavam no país de origem, tanto em termos de idade como de nível de ensino.

    Ao abrigo da legislação europeia, se for um cidadão da UE e se mudou a sua residência para outro país da UE para aí trabalhar, os seus filhos têm direito a aulas gratuitas da língua do novo país para poderem integrar-se melhor no sistema de ensino.

Ajuda e aconselhamento