Navigation path

Left navigation

Additional tools

Comissão Europeia

Comunicado de imprensa

Bruxelas, 22 de maio de 2014

Anunciados os vencedores do primeiro prémio Rede Natura 2000

Foram anunciados na noite passada, numa cerimónia realizada em Bruxelas, os vencedores dos primeiros prémios Rede Natura 2000. Os vencedores receberam os galardões das mãos do Comissário Europeu do Ambiente, Janez Potočnik, e dos membros do júri.

«As minhas calorosas felicitações a estes vencedores de mérito!» declarou o Comissário Potočnik. «Graças aos esforços incansáveis das pessoas que trabalham para a rede Natura 2000 ou nos seus sítios, a nossa vasta rede de zonas protegidas está a tornar-se um verdadeiro sucesso no domínio da cooperação europeia. Estes prémios constituem exemplos do grande trabalho que está a ser levado a cabo na UE pelos gestores dos sítios, autoridades públicas, organizações dedicadas à conservação e voluntários, agricultores, silvicultores, caçadores e pescadores, cientistas, professores e muitas outras pessoas. Este é o dia de todos eles, e o seu êxito é inteiramente merecido.»

A rede Natura 2000 é uma rede de mais de 27 000 sítios protegidos, que cobre 18 % do território continental e 4 % das zonas marinhas da UE, protegendo e valorizando o património natural da Europa. Estes prémios reconhecem a excelência na gestão de sítios da rede Natura 2000, mostrando o valor da rede para as comunidades e as economias locais. Refletindo o enorme trabalho realizado em toda a rede Natura 2000, os prémios distribuem-se por cinco categorias: conservação, benefícios socioeconómicos, comunicação, conciliação de interesses/perceções e estabelecimento de redes & cooperação transfronteiras.

... e os vencedores são...

O Prémio «Conservação» foi atribuído a um projeto que tem por objetivo salvar a águia imperial em Sakar, na Bulgária. Graças ao trabalho da equipa do projeto e à cooperação entre ambientalistas e empresas privadas, a população local desta espécie ameaçada a nível mundial deixou de estar em risco de extinção. Trabalhando com as companhias de eletricidade para isolar os cabos elétricos perigosos e enterrar os aéreos, o projeto conseguiu eliminar o risco de eletrocussão, um problema grave com que se veem constantemente confrontadas estas aves de rapina.

Um projeto em Sighișoara-Târnava Mare, na Roménia, ganhou o Prémio «Benefícios socioeconómicos» com um exemplo impressionante do modo como a rede Natura 2000 pode contribuir para o crescimento económico e a sustentabilidade dos meios de subsistência nas zonas rurais. O projeto permite que os agricultores tenham uma vida melhor cultivando de forma sustentável terrenos de grande valor natural, preservando ao mesmo tempo uma paisagem única, rica em biodiversidade. Graças ao projeto, 2 300 famílias de agricultores da região geram mais de 2,5 milhões de euros de receitas por ano, estando a ideia a ser já aplicada noutras partes do país.

O Prémio «Comunicação» vai para Raná-Hrádek, na República Checa, por promover a proteção de habitats nas estepes da região de Louny. Um evento intitulado «A festa das estepes» atrai 1000 pessoas todos os anos, em maio, e um concurso anual de arte ajuda a tornar as crianças mais conscientes do trabalho de conservação. O projeto sensibiliza os cidadãos da UE para o valor do património natural.

O Prémio «Conciliação de interesses/perceções» foi atribuído a um projeto localizado no sítio Vijvergebied van Midden Limburg, na Bélgica. Os proprietários de terras, as organizações de proteção da natureza e as autoridades — tradicionalmente em conflito sobre a conservação da natureza — trabalham agora em conjunto na gestão das zonas húmidas desta região, graças a uma abordagem inovadora que combina economia, ecologia e educação.

O Prémio «Estabelecimento de redes & cooperação transfronteiras» foi ganho por uma rede de cooperação técnica em Espanha pela elaboração de normas de qualidade para a gestão e a criação de um sítio Web de referência sobre o estado da rede Natura 2000 em Espanha. Rebollar de Navalpotro, em Guadalajara, é uma das zonas onde estas ações foram aplicadas com êxito, mostrando o modo como a rede Natura 2000 é ao mesmo tempo uma rede de espécies e habitats e uma rede de pessoas.

Contextualização

Qualquer pessoa ou entidade diretamente envolvida na rede Natura 2000 — empresas, autoridades, ONG, organizações de voluntários, proprietários de terras, instituições educativas ou pessoas a título individual — pode candidatar-se a este galardão; foram recebidas, no total, 163 candidaturas provenientes de toda a Europa. Destas, selecionou-se uma lista restrita de 22 candidaturas, a qual foi submetida à apreciação de um júri de alto nível, que depois escolheu o vencedor de cada categoria.

Dado o interesse manifestado por este prémio, a qualidade das candidaturas e a importância de destacar o fantástico trabalho de conservação realizado em toda a Europa, a Comissão Europeia tenciona tornar este prémio anual.

Para mais informações:

Imagens dos sítios galardoados podem ser descarregadas no seguinte endereço: Natura 2000 Awards press material.

Para mais informações sobre os vencedores e o papel que os sítios Natura 2000 desempenham na proteção da biodiversidade na Europa, consultar o sítio Web do Prémio Natura 2000 em: http://ec.europa.eu/environment/nature/natura2000/awards/

Para mais informações sobre a natureza na Europa: http://ec.europa.eu/environment/nature/natura2000/index_en.htm

https://www.facebook.com/NatureInEurope

Contactos :

Para a imprensa:

Joe Hennon (+32 2 295 35 93)

Andreja Skerl (+32 2 295 14 45)

Para o público: Europe Direct por telefone 00 800 6 7 8 9 10 11 ou por correio eletrónico


Side Bar