Chemin de navigation

Left navigation

Additional tools

O Comissário Hahn saúda a abertura da Ponte Nova Europa como um símbolo forte da cooperação europeia

Commission Européenne - IP/13/537   14/06/2013

Autres langues disponibles: FR EN DE DA ES NL IT SV FI EL CS ET HU LT LV MT PL SK SL BG RO

Comissão Europeia

Comunicado de imprensa

Bruxelas, 14 de junho de 2013

O Comissário Hahn saúda a abertura da Ponte Nova Europa como um símbolo forte da cooperação europeia

O Comissário da UE para a Política Regional, Johannes Hahn, irá hoje participar num momento histórico entre a Bulgária e a Roménia, e as regiões vizinhas de Vidin e Calafat, quando assistir à inauguração de uma ponte entre os dois países. O Comissário Hahn será acompanhado pelo Presidente Plevneliev e o Primeiro-Ministro Oresharski da Bulgária, bem como o Primeiro-Ministro romeno Ponta. A recentemente designada Ponte Nova Europa recebeu 106 milhões de euros em investimentos da UE e é apenas a segunda ponte entre os dois países, que possuem uma fronteira comum de 630 km. A ponte é de importância estratégica vital para a UE: uma ligação essencial num itinerário que pode estender-se do Norte da Europa aos países bálticos, através da Europa Central, da Roménia e da Bulgária, e, a prazo, da Grécia.

Os trabalhos de construção relativos ao projeto da ponte tiveram início 2007, embora o plano já estivesse a ser debatido quase 15 anos antes. A estratégia da UE para a região do Danúbio, com o seu método de cooperação único, combinada com a intervenção do Comissário Hahn, permitiu concluir o projeto.

Ao comentar a inauguração, o Comissário afirmou: «Esta ponte é um poderoso símbolo da política regional da UE, que liga comunidades e cria ligações empresariais vitais. Hoje, a Ponte Nova Europa não é apenas aberta ao tráfego, mas cria uma série de oportunidades para as empresas e a investigação de ambos os lados do rio, e mais além».

E acrescentou: «Estou certo de que a colaboração entre a Roménia e a Bulgária — que ajudámos a promover através da estratégia para o Danúbio e que tornou este projeto possível, irá criar o incentivo para um maior número de ligações, além de beneficiar enormemente ambos os países.»

A Ponte Nova Europa, formalmente designada como Ponte Calafat-Vidin, constitui uma parte essencial das prioridades em matéria de corredores de transportes rodoviários e ferroviários, esperando-se que reduza radicalmente o tempo de viagem para passageiros e mercadorias entre a Europa do Sudeste, a Turquia e a Europa Central. A ponte atingirá o seu pleno potencial quando estiver completamente ligada às redes ferroviárias e rodoviárias melhoradas de ambos os lados. A Roménia e a Bulgária já começaram a criação dessas ligações vitais.

Antecedentes

A Comissão monitorizou estreitamente o processo de construção da ponte, de forma a ajudar a assegurar uma execução rápida. O custo total do projeto foi de 282 milhões de euros — cobertos por uma combinação de fundos da UE (no valor de 106 milhões de euros), de financiamento nacional e de investimento privado, sob a forma de subvenções e de empréstimos. A ponte foi construída numa área em que o rio Danúbio tem cerca de 1 300 metros de largura. A ponte tem cerca de 1,8 km de comprimento e tem quatro faixas de rodagem, uma única via férrea e pistas para peões e ciclistas.

Mais informações

Ponte Nova Europa

www.danube-region.eu

Twitter: @EU_Regional @JHahnEU

Contactos:

Shirin Wheeler (+32 2 296 65 65)

Annemarie Huber (+32 2 299 33 10)


Side Bar

Mon compte

Gérez vos recherches et notifications par email


Aidez-nous à améliorer ce site