Navigation path

Left navigation

Additional tools

Declaração da Alta Representante, Catherine Ashton, no Dia Internacional da Mulher, 8 de março de 2013

European Commission - IP/13/204   08/03/2013

Other available languages: EN FR DE ES

Comissão Europeia

Comunicado de imprensa

Bruxelas, 8 de março de 2013

Declaração da Alta Representante, Catherine Ashton, no Dia Internacional da Mulher, 8 de março de 2013

A Alta Representante da União Europeia para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança e Vice-Presidente da Comissão proferiu hoje a seguinte declaração:

«Celebra-se hoje o Dia Internacional da Mulher. Em todo o mundo, as mulheres esforçam‑se por moldar o futuro dos seus países, sociedades e famílias e lutam pelos direitos civis, políticos, económicos, sociais e culturais, livres do medo e da violência. Aonde quer que vá, encontro mulheres corajosas que se batem por um papel igual no futuro democrático dos seus países. Essas mulheres são uma fonte de inspiração para mim, para as mulheres da União Europeia e para as mulheres do mundo inteiro. Aproveito a ocasião oferecida pelo dia que hoje se celebra para as saudar.

Hoje, à margem da 57.ª sessão da Comissão do Estatuto das Mulheres da ONU, mais de 5000 pessoas reuniram-se em Nova Iorque para discutir a eliminação e a prevenção de todas as formas de violência contra as mulheres e as raparigas. A violência contra o sexo feminino é um fenómeno mundial, que atravessa fronteiras, gerações, nacionalidades e comunidades. No entanto, continua escondido e a ser pouco denunciado, pouco levado à Justiça e pouco punido. Esta tendência tem que ser invertida. A UE trabalhará sem descanso para conseguir um acordo generalizado sobre as Conclusões contra todas as formas de violência exercida sobre as mulheres. Nos últimos dez anos, a UE financiou mais de 100 projetos, num valor total de 80 milhões de euros, diretamente destinados a combater a violência contra as mulheres e as raparigas. Um deles é o programa Daphne da União Europeia, que financia a sociedade civil, as universidades e as autoridades locais no seu trabalho diário de combate à violência e de apoio às vítimas.

Chegou a altura de acelerar o passo no sentido da igualdade entre homens e mulheres, de modo a que possamos, em conjunto, construir o futuro comum em paz e prosperidade.»

Contactos :

Sebastien Brabant (+32 2 298 64 33)

Maja Kocijancic (+32 2 298 65 70)

Michael Mann (+32 2 299 97 80)

Nabila Massrali (+32 2 296 92 18)

Eamonn Prendergast (+32 2 299 88 51)


Side Bar

My account

Manage your searches and email notifications


Help us improve our website