Navigation path

Left navigation

Additional tools

Comissão Europeia

Comunicado de imprensa

Bruxelas, 25 de julho de 2012

4.º Dia Europeu da Segurança Rodoviária: mobilizar os jovens para a segurança rodoviária

Os acidentes de viação continuam a ser os grandes responsáveis pela mortalidade e incapacidade juvenis na Europa e no resto do mundo. Em 2010, 19 % das vítimas mortais em acidentes de viação na UE tinham entre 18 a 25 anos, muito embora este grupo etário represente apenas 10 % da população. Significa isto que o risco de morrer na estrada é duas vezes maior neste grupo. A Comissão Europeia decidiu, assim, consagrar à juventude o 4.º Dia Europeu da Segurança Rodoviária. Assinala este evento uma conferência em Nicósia, a 25 de julho, organizada conjuntamente com a Presidência cipriota e que será ponto de encontro de grupos de jovens e de organizações e entidades oficiais da área da segurança rodoviária, procedentes de todos os Estados-Membros e de países vizinhos, para um dia de debates, apresentações e seminários.

«A morte de jovens nas estradas europeias é uma tragédia, e uma perda que não podemos aceitar, afirmou Siim Kallas, Vice-Presidente da Comissão e responsável pela pasta dos transportes. Preocupam-me sobretudo os acidentes causados pelo consumo de drogas ou álcool, especialmente entre a população juvenil. A evolução positiva a que assistimos nos últimos 10 anos leva-me, contudo, a encarar com otimismo a meta de «zero mortes» em acidentes de viação na UE. Mas ela está ainda muito longe e só a mudança de comportamento dos jovens na condução automóvel nos permitirá continuar a salvar vidas

Os jovens dos 18 aos 25 anos representam uma percentagem desproporcionada das vítimas mortais em acidentes de viação. Em 2010:

  • Morreram 31 000 pessoas em acidentes de viação.

  • 19 % dessas vítimas mortais eram desta faixa etária.

  • Em 40 % dos acidentes havia um condutor jovem envolvido.

  • 25 % dos automobilistas mortos eram jovens – 81 % do sexo masculino e 19 % do sexo feminino.

  • Vítimas mortais por meio de transporte: automóveis particulares 66 %, motociclos 20 %, velocípedes 8 %, outros (camião, autocarro, etc.) 4 %, peões ­2 %.

No país anfitrião do 4.º Dia Europeu da Segurança Rodoviária, os números são ainda mais alarmantes. Em Chipre, 23 % do total de vítimas mortais nos acidentes de viação eram desta faixa etária. No sítio Web da base de dados CARE da Comissão Europeia estão disponíveis mais dados estatísticos destes acidentes, discriminados por idade e por país.

Que tantos jovens morram na estrada não é, contudo, uma inevitabilidade. Na faixa etária dos 18 aos 25, a mortalidade rodoviária caiu 49 % de 2001 a 2010, uma redução superior à tendência geral (43 %). Os condutores jovens continuam a ser particularmente vulneráveis, apesar de a mortalidade rodoviária neste grupo ter diminuído 55 % nesse mesmo período.

Para se alcançar o ambicioso objetivo de reduzir para metade, até 2020, o número de vítimas mortais em acidentes de viação na Europa, os jovens terão de estar direta e ativamente mobilizados. É preciso incentivar a juventude europeia a contribuir para a segurança rodoviária, encorajando-a, por exemplo, a trocar ideias e a propor as suas próprias soluções.

Historial

A quarta edição do Dia Europeu da Segurança Rodoviária é uma iniciativa conjunta da Comissão Europeia e da Presidência cipriota do Conselho. Do programa constam temas como a promoção de uma cultura de segurança rodoviária entre os jovens e grupos de debate de questões como a educação cívica, a repressão do incumprimento e os comportamentos de risco. O programa completo está disponível no sítio Web do evento.

A finalidade deste evento é sensibilizar os decisores políticos e a opinião pública para os desafios da segurança rodoviária e promover um comportamento responsável dos utentes da via pública, em prol de uma mobilidade segura e acessível para todos.

O Dia Europeu irá servir de plataforma de lançamento da página Facebook do Fórum Europeu da Juventude para a Segurança Rodoviária, para promover o debate e a consciencialização entre a comunidade (em crescimento) de jovens europeus ativistas da segurança rodoviária. Um novo vídeo da segurança rodoviária, dirigido aos jovens, irá difundir a mensagem das 100 000 vidas salvas entre 2001 e 2010 e das muitas mais que poderemos salvar até 2020 se trabalharmos em conjunto.

O 1.º Dia Europeu da Segurança Rodoviária, em 2007, já se dirigira aos jovens condutores. A segunda edição, em 2008, centrou-se na segurança rodoviária em meio urbano e a terceira edição, em 2010, debruçou-se especialmente sobre o combate transnacional às infrações ao código da estrada.

As orientações para a política de segurança rodoviária de 2011 a 2020 preconizam a melhoria da qualidade da formação ministrada aos jovens candidatos à carta de condução e campanhas de sensibilização dirigidas à juventude.

Para mais informações, consultar:

Sítio Web da Comissão Europeia para a segurança rodoviária

Sitio Web da Direção-Geral da Mobilidade e dos Transportes

Sítio Web do Vice-Presidente Siim Kallas

Sítio Web do Fórum Europeu da Juventude para a Segurança Rodoviária

Para mais elementos sobre a política de segurança rodoviária, consultar:

MEMO/10/343

IP/10/970

Contactos:

Helen Kearns (+32 2 298 76 38)

Dale Kidd (+32 2 295 74 61)


Side Bar

My account

Manage your searches and email notifications


Help us improve our website