Navigation path

Left navigation

Additional tools

Erasmus Mundus: reforço do financiamento para os países da Primavera Árabe

European Commission - IP/11/1558   16/12/2011

Other available languages: EN FR DE DA ES NL IT SV FI EL CS ET HU LT LV MT PL SK SL BG RO AR

Comissão Europeia Comunicado de Imprensa

Erasmus Mundus: reforço do financiamento para os países da Primavera Árabe

16 de Dezembro de 2011 A Comissão Europeia mais do que duplicou o número de bolsas de estudo e de ensino para jovens e pessoal universitário de países envolvidos nos protestos da Primavera Árabe no Norte de África e no Médio Oriente. Serão disponibilizados fundos para mais 559 bolsas, além das 525 já planeadas para 2011-2012, destinadas aos países do Sul do Mediterrâneo, através da iniciativa Erasmus Mundus, a versão internacional do programa de intercâmbio de estudantes e professores Erasmus da Comissão Europeia. Os beneficiários poderão realizar parte dos seus estudos, investigação ou docência na União Europeia. O aumento do financiamento destas bolsas pela Comissão visa proporcionar novas oportunidades de estudo e formação a indivíduos que assumem um papel crucial no reforço da democracia na região. A iniciativa insere-se na resposta estratégica da UE à Primavera Árabe (ver MEMO/11/918).

«Estou muito satisfeita que a Comissão tenha reforçado o seu financiamento para beneficiar os jovens e professores que estão na linha da frente do processo de democratização no Sul do Mediterrâneo. Esta medida é um sinal claro do nosso empenho pela sua causa», declarou Androulla Vassiliou, Comissária Europeia responsável pela Educação, Cultura, Multilinguismo e Juventude.

O Erasmus Mundus está aberto a candidatos de todo o mundo, incluindo da União Europeia. Desde o seu lançamento em 2004, foram concedidas bolsas a mais de 12 000 estudantes, 300 doutorandos e 2 000 professores para a realização de programas conjuntos de mestrado ou doutoramento.

No ano académico de 2011-2012, cerca de 6 000 estudantes e investigadores de 150 países já receberam bolsas no valor total de 210 milhões de euros. A Comissão disponibilizou mais 10 milhões de euros para financiar as 559 bolsas adicionais para os países do Sul do Mediterrâneo. Estes países deverão beneficiar de novos aumentos no financiamento das bolsas e subvenções Erasmus Mundus em 2012-2013.

Mais de três quartos das bolsas atribuídas, desde 2004, através do Erasmus Mundus, destinaram-se a pessoas de países terceiros, das quais mais de 3 000 do Norte de África e Médio Oriente. O montante das bolsas dependerá da duração do período de estudos ou formação, do nível de qualificação do candidato e do país de origem. Os não-europeus a estudar na União Europeia receberão, pelo menos, 1 000 euros por mês para ajudas de custo, ao passo que os estudantes europeus a estudar fora da Europa receberão pelo menos 500 euros por mês.

Continua…

Contexto

Existem três grupos principais de beneficiários do apoio Erasmus Mundus: os estudantes que participam num programa conjunto de mestrado ou doutoramento, as parcerias entre universidades e os projectos destinados a promover o sector do ensino superior europeu.

Programas conjuntos de mestrado ou doutoramento

Podem candidatar-se a este financiamento da UE os consórcios que incluam, pelo menos, três estabelecimentos de ensino superior europeus ou não europeus, tendo em vista a atribuição de bolsas a estudantes para a realização de um programa conjunto de mestrado ou doutoramento. Os programas devem possuir reconhecida qualidade académica e incluir um período obrigatório de estudos ou investigação, no mínimo, em duas universidades. Um «programa conjunto» é um programa de estudos integrado oferecido, pelo menos, por dois estabelecimentos de ensino superior, conducente à obtenção de um diploma único. Os estudantes recebem as bolsas de acordo com os critérios fixados pelas universidades participantes.

Mais de 160 estabelecimentos do ensino superior participam actualmente em programas conjuntos, incluindo 25 instituições de países terceiros. Em 2012-2013, serão abertos 131 programas conjuntos de mestrado e 34 de doutoramento para atribuição de bolsas, num vasto leque de disciplinas, desde a química à informática, à criminologia e à coreografia.

A lista completa de todos os programas conjuntos de mestrado e doutoramento previstos para o ano académico de 2012-2013 pode ser consultada em:

http://eacea.ec.europa.eu/erasmus_mundus/results_compendia/selected_projects_en.php

Parcerias Erasmus Mundus

Serão também concedidas bolsas às parcerias Erasmus Mundus. Estas bolsas permitem a estudantes, investigadores e professores visitarem instituições parceiras no estrangeiro, para estudar ou ensinar num período entre três meses e três anos. Em Julho de 2011, 46 novas parcerias serão seleccionadas para financiamento, envolvendo 369 universidades da UE e 450 de países terceiros. Os consórcios devem incluir, no mínimo, cinco estabelecimentos de ensino superior de, pelo menos, três países europeus e estabelecimentos de ensino superior de países não-UE. Será dada uma atenção especial aos grupos desfavorecidos e às pessoas em situação vulnerável.

Uma lista de todas as parcerias Erasmus Mundus encontra-se disponível em:

http://eacea.ec.europa.eu/erasmus_mundus/results_compendia/selected_projects_action_2_en.php

Promoção do ensino superior europeu

Serão ainda apoiados os projectos que desenvolvam a cooperação ou promovam a atractividade do sector do ensino superior europeu. Em 2011, foram seleccionados sete projectos deste tipo, envolvendo mais de 100 parceiros não-UE e abrangendo questões variadas como as alterações climáticas, a arquitectura e o turismo cultural, e/ou uma forte componente regional. A lista dos projectos pode ser consultada em:

http://eacea.ec.europa.eu/erasmus_mundus/results_compendia/selected_projects_promote_ehe_en.php

Erasmus para Todos

A iniciativa Erasmus Mundus será integrada no novo programa proposto da Comissão para a educação, a formação, a juventude e o desporto Erasmus para Todos , que deverá ser lançado em 2014. (Ver IP/11/1398).

Contactos :

Dennis Abbott (+32 2 295 92 58)

Dina Avraam (+32 2 295 96 67)


Side Bar

My account

Manage your searches and email notifications


Help us improve our website