Navigation path

Left navigation

Additional tools

Lançado Plano de Acção sobre Eco-Inovação: ajudar a economia a gerar crescimento ecológico e benefícios ambientais

European Commission - IP/11/1547   15/12/2011

Other available languages: EN FR DE DA ES NL IT SV FI EL CS ET HU LT LV MT PL SK SL BG RO

Comissão Europeia – Comunicado de imprensa

Lançado Plano de Acção sobre Eco-Inovação: ajudar a economia a gerar crescimento ecológico e benefícios ambientais

Bruxelas, 15 de Dezembro de 2011 – A eco-inovação é fundamental para a consecução da estratégia Europa 2020, relativa a um crescimento inteligente, sustentável e inclusivo. O novo Plano de Acção sobre Eco-Inovação (EcoAP) vai impulsionar inovações capazes de reduzir a pressão sobre o ambiente e estreitar o fosso entre inovação e mercado. As tecnologias ecológicas são benéficas para a economia e ajudam a criar emprego, pelo que a eco-inovação é fundamental para a competitividade económica da Europa.

O EcoAP é um dos compromissos da iniciativa emblemática «União da Inovação», aproveitando o Plano de Acção sobre Tecnologias Ambientais (ETAP), de 2004. Amplia a abordagem, passando das tecnologias ecológicas para o conceito mais lato de eco-inovação e focando pontos de estrangulamento, problemas e oportunidades específicas para alcançar os objectivos ambientais através da inovação. Este plano inclui acções tanto do lado da procura como do lado da oferta, relativas a investigação e indústria e a instrumentos de política e finanças. Reconhece o papel fundamental da regulamentação relativa ao ambiente como motor da eco-inovação e prevê uma revisão da legislação ambiental. Sublinha igualmente a importância da investigação e da inovação para produzir mais tecnologias inovadoras e colocá-las no mercado. Por último, frisa o aspecto internacional da eco-inovação e uma melhor coordenação das políticas com os parceiros internacionais.

Nas palavras do Comissário responsável pela pasta do Ambiente, Janez Potočnik: «O desafio da inovação para este século vai ser tornar os nossos recursos mais eficazes – fazer mais com menos – e reduzir o impacto das nossas actividades. A Europa tem de assumir a liderança na resposta a esse desafio, se quisermos ser competitivos num mundo de crescente restrição dos recursos. A procura mundial de tecnologias, produtos e serviços ambientais está a aumentar rapidamente, mesmo nos tempos difíceis que atravessamos, e é um domínio no qual a Europa muito tem a oferecer. Este plano tem em vista emprego e crescimento ecológicos.»

O plano de acção vai acelerar a eco-inovação em todos os sectores da economia, com acções bem orientadas. Para fomentar uma procura comercial mais intensa e estável de eco-inovação, tomará medidas nos domínios dos incentivos regulamentares e das normas e contratos públicos e privados e mobilizará apoio para pequenas e médias empresas (PME), a fim de melhorar a disponibilidade de investimento e as oportunidades de ligação em rede.

Alguns dos principais aspectos do novo plano de acção:

  • Utilizar a política e a legislação no domínio do ambiente para promover a eco-inovação;

  • Apoiar projectos de demonstração e parcerias para trazer ao mercado tecnologias operacionais promissoras, inteligentes e ambiciosas;

  • Desenvolver novas normas para impulsionar a eco-inovação;

  • Mobilizar instrumentos financeiros e serviços de apoio para as PME;

  • Promover a cooperação internacional;

  • Apoiar o desenvolvimento de habilitações e profissões emergentes e os correspondentes programas de formação em resposta às necessidades do mercado de trabalho;

  • Promover a eco-inovação por meio de «parcerias europeias de inovação».

Próximas etapas

O plano será executado por meio de parceria entre as partes interessadas, os sectores privado e público, e a Comissão Europeia. A análise financeira intercalar que se avizinha constituirá uma boa oportunidade para avaliar a consecução dos objectivos estabelecidos neste plano de acção. O próximo esforço concentrar-se-á nas actividades de desenvolvimento e demonstração de produtos, para colmatar a lacuna entre a tecnologia e a aceitação pelo mercado.

Antecedentes

Por eco-inovação, entende-se qualquer forma de inovação que resulte em progressos demonstráveis e significativos, ou os procure, na consecução do objectivo de um desenvolvimento sustentável, através da redução dos impactos sobre o ambiente, de uma acrescida resiliência às pressões ambientais ou de uma utilização mais responsável e eficaz dos recursos naturais.

As eco-indústrias europeias são um sector económico significativo, com um volume de negócios anual estimado em 319 mil milhões de euros, ou seja, cerca de 2,5% do PIB da União Europeia.

Mais informações

Plano de Acção sobre Eco-Inovação (EcoAP)

Iniciativa Emblemática União da Inovação

Contacts :

Joe Hennon (+32 2 295 35 93)

Monica Westeren (+32 2 299 18 30)


Side Bar

My account

Manage your searches and email notifications


Help us improve our website