Navigation path

Left navigation

Additional tools

Chamar a atenção dos meios de comunicação social para a pobreza na Europa

European Commission - IP/10/416   12/04/2010

Other available languages: EN FR DE DA ES NL IT SV FI EL CS ET HU LT LV MT PL SK SL BG RO

IP/10/416

Bruxelas, 12 de Abril de 2010

Chamar a atenção dos meios de comunicação social para a pobreza na Europa

No âmbito do Ano Europeu de Combate à Pobreza e à Exclusão Social (2010), a Comissão Europeia lançou hoje um concurso de reportagem jornalística nesta área. No âmbito do concurso anual de jornalismo europeu, aberto aos jornalistas da imprensa escrita, da internet e do audiovisual, serão atribuídos prémios nacionais (800 euros ou equivalente) e europeus (4500, 3000 e 2000 euros) para as reportagens mais originais e informativas. Os vencedores do concurso europeu serão anunciados numa cerimónia a realizar em Bruxelas, em 17 de Dezembro de 2010.

László Andor, o Comissário para o Emprego, os Assuntos Sociais e a Inclusão, afirmou: «Para abordar o problema da pobreza, precisamos de dar uma voz aos que são excluídos e precisamos de compreender as causas da pobreza. Ao mesmo tempo, devemos propor soluções práticas que funcionem. Os jornalistas têm um papel fulcral neste debate e foi por isso que criámos este concurso para as reportagens mais originais e informativas sobre a pobreza.»

O concurso está desde já aberto e os jornalistas podem apresentar as candidaturas em linha no sítio Web do Ano Europeu, até 31 de Agosto de 2010. São elegíveis as reportagens publicadas ou emitidas por um meio de comunicação social nos 27 Estados-Membros, na Islândia ou na Noruega, entre 1 de Outubro de 2009 e 31 de Agosto de 2010. Todas as candidaturas serão primeiro avaliadas por um júri de peritos nacionais que anunciará um vencedor em cada categoria. Os vencedores nacionais serão candidatos ao concurso europeu que terminará com uma cerimónia sob a égide da presidência belga, em Bruxelas, no final de 2010.

O concurso é uma das principais actividades ao nível da UE durante o Ano Europeu e tem como objectivo ajudar a sensibilizar a opinião pública para as questões da pobreza e da exclusão social. Outros dos eventos mais importantes incluem um concurso de arte à escala europeia, conferências importantes sobre questões específicas, tais como a pobreza infantil e os sem-abrigo, e uma série de eventos em torno do Dia Internacional contra a Pobreza previstos para Outubro.

Para mais informações sobre o concurso jornalístico, consulte-se o sítio Web do Ano Europeu 2010: http://www.2010againstpoverty.eu/?langid=pt e ver a secção do Prémio de Jornalismo.

Antecedentes

O Ano Europeu de 2010 tem como objectivo uma maior sensibilização dos principais intervenientes, como os governos e os parceiros sociais, e do público em geral para as causas e consequências da pobreza na Europa. Tem como objectivo igualmente mobilizar estes diferentes parceiros na luta contra a pobreza; promover a integração e a inclusão sociais; e incentivar a vontade política da UE e dos Estados‑Membros para combater a pobreza e a exclusão social.

84 milhões de europeus (17% da população da UE) vivem actualmente abaixo do limiar de pobreza. De acordo com um recente inquérito Eurobarómetro sobre as atitudes relativamente a pobreza, uma grande maioria de europeus (73%) considera a pobreza um problema generalizado do respectivo país e muitos outros (89%) chamam a atenção para a necessidade urgente de abordar o problema a nível governamental. Ainda que a maioria das pessoas considere que os governos nacionais são os principais responsáveis, 74% também esperam que a UE desempenhe um papel importante neste contexto.

Para mais informações sobre o inquérito Eurobarómetro: IP/09/1585


Side Bar

My account

Manage your searches and email notifications


Help us improve our website