Navigation path

Left navigation

Additional tools

Acordo das instituições da UE sobre parceria na comunicação

European Commission - IP/08/1568   22/10/2008

Other available languages: EN FR DE DA ES NL IT SV FI EL CS ET HU LT LV PL SK SL BG RO

IP/08/1568

Bruxelas, 22 de Outubro de 2008

Acordo das instituições da UE sobre parceria na comunicação

No Parlamento Europeu foi hoje assinada uma declaração política que visa incentivar a cooperação entre as instituições da UE e os Estados-Membros quanto à comunicação sobre a Europa. A declaração, intitulada «Parceria para a comunicação sobre a Europa», foi assinada por Alejo Vidal-Quadras, Vice-Presidente do Parlamento Europeu, pelo Ministro de Estado francês Jean-Pierre Jouyet, em nome do Conselho da UE, e por Margot Wallström, Vice-Presidente da Comissão Europeia.

Alejo Vidal-Quadras disse que «é necessária mais informação e uma melhor comunicação, se quisermos aumentar o interesse dos cidadãos europeus pela União Europeia e sensibilizá-los para as realizações da União Europeia com impacto na sua vida quotidiana. Temos de convencê-los do valor do projecto europeu comum, garantindo a paz e defendendo uma forma única de viver e de trabalhar juntos. Saúdo profundamente o esforço conjunto das instituições nesse sentido, unindo as suas forças na área das comunicações.»

Jean-Pierre Jouyet afirmou que «estamos todos conscientes de que a comunicação é um elemento-chave na forma de convencer a opinião pública dos benefícios da União Europeia e cada um de nós tem de ter presente o resultado das recentes consultas em diversos países. Graças a esta declaração política, espero que as três instituições e os Estados-Membros reforcem a sua cooperação nesta matéria, especialmente nos próximos meses, com a perspectiva das eleições europeias.»

Segundo Margot Wallström, «para comunicar é preciso planear, estabelecer prioridades e trabalhar em parceria. São estas as ferramentas-chave para uma comunicação bem sucedida. Esta declaração política cria um enquadramento em que podemos utilizar estas ferramentas de uma forma eficaz. É hora de reconhecer a importância de abordar o desafio da comunicação sobre questões da UE em parceria entre os Estados-Membros e as instituições da UE. Precisamos da UE para resolver os desafios globais que estamos a enfrentar. Todas as principais partes envolvidas na tomada de decisões da UE têm a responsabilidade de discutir, informar e explicar estas questões».

No contexto de um nível de conhecimentos em geral baixo dos cidadãos europeus sobre a União Europeia, esta declaração sublinha que as instituições da UE e os Estados-Membros atribuem a maior importância à comunicação com os seus cidadãos sobre a Europa de uma forma eficaz.

De acordo com os objectivos da declaração política, os cidadãos devem receber, numa linguagem que compreendam, informação adequada e objectiva sobre as questões e políticas da UE e que tenha em conta as suas expectativas.

Com esta declaração política, as instituições e os Estados-Membros decidiram desenvolver sinergias de modo a abordar em conjunto o desafio da comunicação. Acordaram quanto a uma abordagem de parceria pragmática com base na selecção anual das prioridades de comunicação conjuntas e numa cooperação prática entre os departamentos de comunicação dos Estados-Membros e das instituições.

A Comissão foi convidada a elaborar um relatório sobre a implementação do acordo no final de cada ano.

Documentação de referência:

http://ec.europa.eu/dgs/communication/index_pt.htm

http://ec.europa.eu/commission_barroso/wallstrom/index_pt.htm


Side Bar

My account

Manage your searches and email notifications


Help us improve our website