Percurso de navegação

Comércio


A UE é a primeira potência comercial do mundo, representando 16.5% das importações e exportações mundiais. O comércio livre entre os países da UE é um dos princípios fundadores da própria UE, que está também empenhada na liberalização do comércio a nível mundial.

Avião de carga © Van Parys Media

A UE exporta para todo o mundo.

Comércio - um sistema mundial

O comércio mundial assenta em regras estabelecidas pela Organização Mundial do Comércio destinadas a assegurar a transparência e a equidade dos acordos comerciais e das obrigações entre países.

A política comercial da UE é aplicável exclusivamente a nível da UE. A Comissão negoceia acordos em nome da UE no âmbito das regras da OMC e colabora estreitamente com os governos nacionais e o Parlamento Europeu, a fim de manter o sistema mundial e de assegurar a sua adaptação às mudanças ocorridas em todo o mundo.

A UE, líder mundial do comércio

A UE é o maior exportador mundial de bens e serviços e o maior mercado de importação para mais de 100 países.

É também o maior mercado único do mundo. Os consumidores e investidores europeus e do resto do mundo beneficiam dos numerosos benefícios que decorrem da criação de um sistema simplificado, num espaço caracterizado pela livre circulação de pessoas, bens, serviços e capitais.

Assegurar condições de concorrência leais e transparentes

A União Europeia negoceia acordos com uma vasta gama de parceiros comerciais de todo o mundo, sobretudo acordos de comércio livre.

As parcerias assim criadas procuram fomentar o crescimento e o emprego para os europeus, abrindo novos mercados no resto do mundo. É de notar, por exemplo, que os mercados transatlânticos representam transações no valor de cerca de 2 mil milhões de euros por dia.

A política comercial europeia visa também reduzir o trabalho infantil e o trabalho forçado, a destruição do ambiente e a volatilidade dos preços. Os regimes que asseguram a transparência e a rastreabilidade nas cadeias de abastecimento são disso um bom exemplo.

No que respeita aos países mais pobres do mundo, a política comercial da UE tem por objetivo combinar o comércio e o desenvolvimento. Contribuir para a redução dos direitos, apoiar as pequenas empresas exportadoras e aconselhar sobre as melhorias a introduzir a nível da governação são apenas alguns dos aspetos em que o comércio e o desenvolvimento podem colaborar para assegurar que os mais necessitados beneficiam do crescimento impulsionado pelo comércio.

Topo

Comércio

Publicado em setembro de 2013

Esta brochura faz parte da coleção «Compreender melhor a UE»


Topo



CONTACTO

Pedidos de informação

Telefone gratuitamente para o
00 800 6 7 8 9 10 11 Funcionamento do serviço telefónico

Envie as suas perguntas por correio electrónico

Contactos e informações sobre as visitas às instituições, contactos com a imprensa

Domínios de intervenção relacionados

Ajude-nos a melhorar

Encontrou a informação que procurava?

SimNão

O que procurava?

Tem alguma sugestão?