RSS
Índice remissivo
Esta página está disponível em 15 idiomas
Novos idiomas disponíveis:  CS - HU - PL - RO

We are migrating the content of this website during the first semester of 2014 into the new EUR-Lex web-portal. We apologise if some content is out of date before the migration. We will publish all updates and corrections in the new version of the portal.

Do you have any questions? Contact us.


Alfândega 2013 (2008-2013)

As administrações aduaneiras dos Estados-Membros da União Europeia (UE) desempenham um papel importante na defesa dos interesses da Comunidade Europeia (CE). Garantem um nível de protecção idêntico aos cidadãos e operadores económicos comunitários em qualquer ponto do território da CE. A presente decisão estabelece o programa de acção Alfândega 2013 (2008-2013) na Comunidade. O programa tem por objectivo facilitar a informatização dos procedimentos aduaneiros ao nível pan-europeu, garantindo que as actividades das alfândegas correspondam às necessidades do mercado interno, assegurando a defesa dos interesses financeiros da CE e reforçando a protecção e a segurança.

ACTO

Decisão 624/2007/CE do Parlamento Europeu e do Conselho, de 23 de Maio de 2007, que cria um programa de acção no domínio aduaneiro na Comunidade (Alfândega 2013) [Jornal Oficial L 154 de 14.06.2007].

SÍNTESE

O objectivo do programa Alfândega 2013 consiste em coadjuvar as administrações aduaneiras dos países participantes no sentido de facilitar trocas legítimas e simplificar e acelerar os processos aduaneiros. O período de vigência do programa estender-se-á entre 1 de Janeiro de 2008 e 31 de Dezembro de 2013.

Objectivos

Principais objectivos do programa Alfândega 2013 são:

  • Facilitar a informatização dos procedimentos aduaneiros ao nível pan-europeu, garantindo que as actividades das alfândegas correspondam às necessidades do mercado interno, assegurando a defesa dos interesses financeiros da CE e reforçando a protecção e a segurança.
  • Contribuir para a modernização do código aduaneiro.
  • Assegurar que as administrações aduaneiras interajam de forma a poderem operar tão eficazmente como se se tratasse de uma única administração.
  • Reforçar a cooperação aduaneira internacional entre as administrações aduaneiras da UE e as autoridades aduaneiras dos países terceiros no domínio da segurança da cadeia de abastecimento.
  • Efectuar os preparativos necessários para o alargamento, incluindo a partilha de experiências e de conhecimentos com as administrações aduaneiras dos países em causa.
  • Reforçar a cooperação e o intercâmbio de informações e de melhores práticas com as administrações aduaneiras dos países terceiros, em especial os países candidatos, os países candidatos potenciais e os países parceiros da política europeia de vizinhança.
  • Normalizar e simplificar os sistemas e os controlos aduaneiros, de modo a reduzir a sobrecarga administrativa e os custos atinentes à observância da conformidade suportados pelos operadores económicos.
  • Identificar, desenvolver e concretizar as melhores práticas de trabalho.

Acções

O programa Alfândega 2013 incluirá, entre outras, acções no domínio dos sistemas de comunicação e de intercâmbio de informações, análises comparativas, seminários e iniciativas práticas, grupos de projecto e grupos de orientação, visitas de trabalho, acções de formação e acções de acompanhamento.

Participação no programa

Os países participantes no programa Alfândega 2013 são os Estados-Membros da UE. O programa está igualmente aberto à participação dos países candidatos que beneficiem de uma estratégia de pré-adesão, dos países candidatos potenciais (após celebração dos acordos-quadro relativos à sua participação nos programas comunitários), bem como de certos países parceiros da política europeia de vizinhança (desde que se atinja um nível suficiente de aproximação e se respeitem os respectivos acordos-quadro).

Incidência orçamental

O programa Alfândega 2013 terá a duração de seis anos, em consonância com a duração das perspectivas financeiras 2007-2013. O montante a cargo do orçamento comunitário ascende a 328,8 milhões de euros.

CONTEXTO

O programa Alfândega 2013 prossegue as actividades iniciadas no âmbito dos programas precedentes, no domínio das alfândegas, em especial Alfândega 2007, e constitui um apoio de importância crescente para a realização do projecto alfândega electrónica.

REFERÊNCIAS

Acto Entrada em vigor - Data do termo de vigência Prazo de transposição nos Estados-Membros Jornal Oficial
Decisão n.º 624/2007/CE 04.07.2007 - JO L 154 de 14.06.2007

ACTOS RELACIONADOS

Comunicação da Comissão ao Conselho e ao Parlamento Europeu, de 6 de Abril de 2005, "Programas comunitários Alfândega 2013 e Fiscalis 2013" [COM(2005) 111 - Não publicada no Jornal Oficial].
Ao antecipar a sua proposta relativa ao futuro programa Alfândega 2013 (2007-2013) a Comissão propõe prorrogar o programa Alfândega 2007. Entende que o programa Alfândega contribui para o objectivo de um crescimento económico duradouro. Um dos objectivos do programa Alfândega 2013 é assegurar fluxos harmoniosos do comércio externo, mantendo, simultaneamente, um controlo eficaz das mercadorias. Tal como no passado, as actividades contribuem para o funcionamento harmonioso do mercado interno, preparando e assegurando uma execução comum da legislação aduaneira comunitária. O novo programa deve, além disso, responder a novos desafios e às mudanças em curso, como, por exemplo, no domínio da segurança (gestão das fronteiras externas e controlo de toda a cadeia logística internacional), da criação de um ambiente aduaneiro informatizado e da luta contra a contrafacção e a pirataria.

Decisão 253/2003/CE do Parlamento Europeu e do Conselho, de 11 de Fevereiro de 2003, que adopta um programa de acção no domínio aduaneiro na Comunidade (Alfândega 2007).
O programa Alfândega 2007 (2003-2007) visa apoiar e completar as acções iniciadas pelos Estados-Membros para assegurar o funcionamento do mercado interno no domínio aduaneiro. Esta decisão será revogada com efeitos a 1 de Janeiro de 2008.

Última modificação: 14.06.2007
Advertência jurídica | Sobre este sítio | Pesquisa | Contacto | Topo da página