RSS
Índice remissivo

Glossário

Competitividade

Uma economia competitiva é aquela que regista um crescimento elevado e sustentado da produtividade.

Visto que a estratégia de Lisboa estabeleceu o objectivo de transformar a Europa na economia do conhecimento mais competitiva e mais dinâmica do mundo, a competitividade passou a ser uma das prioridades políticas da União Europeia. Uma indústria europeia competitiva é, de facto, indispensável para alcançar os objectivos comunitários, sejam eles económicos, sociais ou ambientais, garantindo, assim, uma melhoria da qualidade de vida dos cidadãos europeus. Os esforços de competitividade da União pretendem igualmente adaptar a economia europeia às mutações estruturais, à deslocalização de actividades industriais para países emergentes, à reafectação de postos de trabalho e recursos para novos sectores industriais e ao risco de um processo de desindustrialização.

A competitividade da União é determinada pelo crescimento da produtividade e depende, assim, dos desempenhos e do futuro da indústria europeia, nomeadamente da sua capacidade para efectuar ajustamentos estruturais. Se a União pretende ser competitiva, é indispensável que se torne mais eficaz em termos de investigação, inovação, tecnologias da informação e da comunicação, empreendedorismo, concorrência, educação e formação.

É indispensável uma análise económica horizontal conjugada com uma análise aprofundada dos diferentes sectores, para apoiar a acção da União em matéria de competitividade.

Ver:

Advertência jurídica | Sobre este sítio | Pesquisa | Contacto | Topo da página