RSS
Índice remissivo
Esta página está disponível em 15 idiomas
Novos idiomas disponíveis:  CS - HU - PL - RO

We are migrating the content of this website during the first semester of 2014 into the new EUR-Lex web-portal. We apologise if some content is out of date before the migration. We will publish all updates and corrections in the new version of the portal.

Do you have any questions? Contact us.


Serviço Europeu para a Acção Externa

O Serviço Europeu para a Acção Externa (SEAE) apoia a União Europeia (UE) nas suas relações com o resto do mundo, pois, graças às reformas institucionais do Tratado de Lisboa, a UE tem agora uma capacidade de acção externa mais forte, mais coerente e mais bem coordenada.

ACTO

Decisão 2010/427/UE do Conselho, de 26 de Julho de 2010, que estabelece a organização e o funcionamento do Serviço Europeu para a Acção Externa.

SÍNTESE

O Serviço Europeu para a Acção Externa (SEAE) é um órgão instituído pelo Tratado de Lisboa com vista à execução da política externa da União Europeia (UE).

O SEAE encontra-se sob a autoridade do Alto Representante da União para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança, apoiando-o na execução dos seus mandatos, relativamente:

  • à condução e elaboração da Política Externa e de Segurança Comum (PESC) da UE, inclusive para a Política Comum de Segurança e Defesa (PCSD);
  • à presidência do Conselho Europeu dos Negócios Estrangeiros;
  • à vice-presidência da Comissão no domínio das relações externas.

O SEAE apoia também o Secretariado-Geral do Conselho, a Comissão e os serviços diplomáticos dos Estados-Membros para assegurar a coerência da acção externa europeia.

Por fim, o SEAE apoia a Comissão na elaboração e execução dos programas e dos instrumentos financeiros da acção externa da UE.

Uma administração central

O SEAE está sediado em Bruxelas e é gerido por um Secretário-Geral Executivo, que desempenha as suas funções sob a autoridade do Alto Representante da União para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança.

A administração central do SEAE é organizada em Direcções-Gerais, dedicadas:

  • a domínios de acções temáticas e geográficas que abrangem todos os países e todas as regiões do mundo;
  • à gestão administrativa, à segurança dos sistemas de comunicação e informação, à gestão orçamental e aos recursos humanos;
  • à gestão de crises e ao planeamento, ao Estado-Maior da UE e ao Centro de Situação da UE (Sitcen) para a condução da PESC.

Uma rede de delegações

O SEAE é igualmente constituído por delegações da UE junto de países terceiros e de diversas organizações internacionais. Cada uma destas delegações é dirigida por um Chefe de Delegação, que se encontra sob a autoridade do Alto Representante e do SEAE. O Chefe de Delegação representa a UE no país em questão.

As delegações colaboram e partilham informações com os serviços diplomáticos dos Estados-Membros da UE.

O Secretário-Geral Executivo do SEAE é responsável pela avaliação financeira e administrativa da cada delegação.

Última modificação: 18.10.2010

Veja também

  • O sítio da Internet Serviço Europeu para a Acção Externa (DE) (EN) (FR)
Advertência jurídica | Sobre este sítio | Pesquisa | Contacto | Topo da página