Language selector

Escolher a versão de alto contrasteVisualizar com tamanho de letra normalAumentar o tamanho da letra

Esta página está disponível em 24 línguas

Tipos de emprego

As instituições europeias oferecem vários tipos de emprego. Segue-se uma descrição das diferentes categorias de pessoal das instituições europeias.

Para mais informações sobre as carreiras profissionais, nomeadamente sobre o recrutamento, as promoções, os salários e as regalias, consulte o Estatuto.

Consulte também as ofertas de emprego em curso.


Funcionários (pessoal permanente)

Na função pública da UE existem diferentes categorias de funcionários: os administradores (AD), os assistentes (AST) e os assistentes-secretários (AST/SC).

Os administradores são, regra geral, responsáveis pela elaboração de políticas, pela aplicação da legislação europeia e pelo exercício de atividades de análise e assessoria. Um administrador pode desempenhar um papel-chave no processo legislativo e orçamental da UE, coordenar as grandes políticas económicas ou outras medidas dos Estados-Membros, participar em negociações comerciais com países terceiros ou representar as instituições europeias em instâncias internacionais. Pode também inspecionar as frotas pesqueiras dos Estados-Membros, elaborar ou gerir um programa de investigação científica, realizar trabalhos de investigação e análise jurídica para o Tribunal de Justiça das Comunidades Europeias ou redigir uma decisão do Provedor de Justiça Europeu. Os tradutores e os intérpretes são igualmente recrutados como administradores. Oferecemos amplas perspetivas de carreira aos titulares de um diploma universitário em domínios tão diversos como a administração, o direito, as finanças, a economia, a comunicação, as ciências, etc.

• A carreira de administrador vai do grau AD 5 ao grau AD 16.
• Os candidatos com um diploma universitário são recrutados no grau AD 5.
• Para funções mais especializadas, a seleção e o recrutamento podem ser feitos nos graus AD 6/AD 7. Nesse caso, são exigidos vários anos de experiência profissional.
• Os graus AD 9/AD 12 correspondem a um nível de enquadramento médio. Para se ser selecionado e recrutado nestes graus é necessária experiência prévia no domínio da gestão.
• Ver Exemplos de qualificações exigidaspdf

 

Os assistentes são, regra geral, responsáveis por tarefas de execução e tarefas técnicas (administração, contabilidade, comunicação, investigação, elaboração e aplicação de medidas, etc.). Desempenham também um papel muito importante na gestão interna das instituições, nomeadamente nos domínios orçamental e financeiro, de gestão de pessoal, informática e documentação, podendo igualmente realizar trabalho científico de laboratório.

• A carreira de assistente vai do grau AST 1 ao grau AST 11.
• A maioria dos assistentes são recrutados nos graus AST 1 ou AST 3.
• Os candidatos a um posto AST 1 devem ter concluído o ensino secundário e possuir experiência prévia ou qualificações adequadas ao lugar.
• Os candidatos a um posto AST 3 devem ter concluído o ensino secundário, possuir qualificações adequadas ao lugar e/ou experiência de vários anos.
• Ver Exemplos de qualificações exigidaspdf 

 

Os assistentes-secretários desempenham em geral tarefas de apoio a nível da direção de escritório e da administração, tai como preparação de dossiês, organização e coordenação de reuniões, elaboração de ficheiros e diversas outras funções de apoio a equipas, aos quadros superiores e a outros serviços das instituições europeias.

• A carreira de assistente-secretário vai do grau AST/SC1 ao grau AST/SC6.
• Os assistentes-secretários são geralmente recrutados no grau AST/SC 1.
• Os candidatos a um posto AST/SC1 devem ter concluído o ensino secundário e possuir experiência prévia ou qualificações adequadas ao lugar.
• Os candidatos a um posto AST/SC2 devem ter uma experiência mínima de quatro anos.
• Ver Exemplos de qualificações exigidaspdf 

 

Tabela de vencimentos*

Grau  Vencimento de base mensal (em euros) *
40 horas de trabalho semanal
AD1210 406,80
AD97 185,01
AD75 612,65
AD54 384,38
AST33 424,90
AST12 675,40
AST/SC22 654
AST/SC12 345

 

Mais informações sobre como se candidatar a um lugar de funcionário (permanente)

 

* Mais informações sobre vencimentos

Topo da página

Agentes contratuais

 

Os agentes contratuais (CAST) são recrutados para efetuar tarefas manuais ou de apoio administrativo ou para suprir uma falta de funcionários com as qualificações requeridas em determinados domínios especializados por um período de tempo limitado. Consoante o tipo de trabalho, podem ter um contrato inicial de 6 a 12 meses. Em alguns organismos da UE, o contrato pode ser prorrogado por tempo indeterminado.

Os lugares ocupados por pessoal contratual abrangem uma vasta gama de funções, que requerem diferentes níveis de qualificações e que se dividem em quatro grupos:

I. Tarefas manuais e de apoio administrativo
II. Tarefas de escritório ou secretariado e outras tarefas equivalentes
III. Tarefas de execução, de redação, de contabilidade e outras tarefas técnicas equivalentes
IV. Tarefas administrativas, de consultoria, linguísticas e outras tarefas de natureza técnica equivalentes.

Regras específicas da Comissão Europeia aplicáveis aos agentes contratuaispdf

Regras específicas do Parlamento Europeu aplicáveis aos agentes contratuaispdf

 

Mais informações sobre como se candidatar a um contrato de trabalho a termo certo

Topo da página

Agentes temporários

 

Podem ser contratados agentes temporários para desempenhar uma grande variedade de tarefas temporárias ou altamente especializadas.

Ver o Estatuto para mais informações sobre os vários tipos de contratos temporários.

 

Mais informações sobre como se candidatar a um contrato de agente temporário

Topo da página

Pessoal interino

 

Algumas instituições recrutam pessoal local através de agências de trabalho temporário. A duração dos contratos propostos pode ir até seis meses.

Topo da página

Estagiários

 

Todos os anos, os estágios organizados pelas instituições europeias oferecem a mais de 1200 jovens a oportunidade de desenvolver as suas competências profissionais e de aprofundar os seus conhecimentos sobre a UE. O Parlamento Europeu, o Conselho, a Comissão, o Tribunal de Justiça, o Serviço Europeu para a Ação Externa, o Comité Económico e Social, o Comité das Regiões e o Provedor de Justiça organizam estágios com uma duração de três a cinco meses. Os estagiários, que devem ser titulares de um diploma universitário equivalente a uma licenciatura, exercem funções semelhantes às desempenhadas por funcionários dos primeiros graus da categoria AD.

 

Mais informações sobre os estágios e ligações para as instituições que oferecem estágios

Topo da página

Peritos nacionais destacados (PND)

 

Os peritos nacionais destacados são funcionários públicos dos Estados-Membros ou funcionários de uma organização internacional que trabalham temporariamente para uma instituição europeia. Estes funcionários trazem para a instituição que os acolhe a sua experiência em domínios que lhes são familiares e levam para as respetivas administrações nacionais os conhecimentos sobre políticas e procedimentos da UE adquiridos durante o destacamento. 

 

Mais informações sobre como se tornar um perito nacional destacado  

Contacte a representação permanente da UE no seu país para se informar sobre as oportunidades existentes

Topo da página

Assistentes parlamentares

 

Ver o sítio do Parlamento Europeu para informações sobre o trabalho dos assistentes parlamentares dos Deputados Europeus

Ver igualmente os sítios dos grupos políticos para informações sobre os respetivos procedimentos de recrutamento

Topo da página