Percurso de navegação

  • Como funciona a UE
    • Informações de base
    • Instituições, organismos e agências
    • Trabalhar para e com a UE

Prémio Nobel da Paz de 2012 atribuído à UE: já passou um ano!

Em 2012 , a UE recebeu o Prémio Nobel da Paz pelos seus esforços em prol da paz, da reconciliação, da democracia e dos direitos humanos na Europa.

A UE decidiu doar o prémio monetário (930 000 euros) às crianças que não tiveram a sorte de crescer num país em paz. Além disso, decidiu complementar o montante do prémio (930 000 euros), totalizando dois milhões de euros, que foram atribuídos a quatro projetos educativos destinados a crianças vítimas de conflitos. Até à data, mais de 28 000 crianças beneficiaram desses projetos selecionados no ano passado.

A UE tenciona prosseguir esta iniciativa nos próximos anos enquanto legado político do Prémio Nobel da Paz e como um instrumento para a promoção da educação nas zonas de conflito. Para 2013, a UE decidiu duplicar uma vez mais os recursos e atribuiu mais quatro milhões de euros a novos projetos e aos projetos em curso.

  • Discurso de agradecimento por ocasião da entrega do Prémio Nobel da Paz de 2012 pdf - 498 KB [498 KB] български (bg) čeština (cs) dansk (da) Deutsch (de) eesti keel (et) ελληνικά (el) English (en) español (es) français (fr) Gaeilge (ga) hrvatski (hr) italiano (it) latviešu valoda (lv) lietuvių kalba (lt) magyar (hu) Malti (mt) Nederlands (nl) polski (pl) română (ro) slovenčina (sk) slovenščina (sl) suomi (fi) svenska (sv)
  • Mais informações sobre os projetos financiados pelo Prémio Nobel da Paz de 2012 Englishfrançais
  • Educação para a paz: novas oportunidades para crianças vítimas de conflito English

Prémio Nobel da Paz de 2012

Por ocasião da entrega do prémio, o Comité Nobel da Noruega declarou que a sua decisão se tinha baseado no papel estabilizador desempenhado pela UE na pacificação do continente europeu.

A maior vitória da UE foi, de acordo com o Comité, «o êxito da luta pela paz e a reconciliação, a democracia e os direitos humanos».

O trabalho da UE promove a «fraternidade entre as nações» e pode, de alguma forma, ser equiparado aos «congressos de paz», referidos por Alfred Nobel no seu testamento de 1895 como critérios que deveriam presidir à atribuição do Prémio da Paz.

A União Europeia é a vigésima primeira organização internacional a receber o prémio desde 1901.

  • Texto integral da declaração do Comité Nobel English
  • Declaração conjunta da Comissão e do Conselho sobre o Prémio Nobel da Paz English
  • Declaração do Presidente do Parlamento Europeu DeutschEnglishfrançais

Vídeos

Cerimónia de entrega dos prémios

O prémio foi entregue em Oslo, a 10 de dezembro de 2012. Como todos os vencedores anteriores, a UE recebeu o prémio das mãos do presidente do comité Nobel norueguesas. A UE foi representada pelo Presidente do Conselho Europeu, o Presidente da Comissão Europeia e o Presidente do Parlamento Europeu. O tradicional discurso oficial pdf - 498 KB [498 KB] български (bg) čeština (cs) dansk (da) Deutsch (de) eesti keel (et) ελληνικά (el) English (en) español (es) français (fr) Gaeilge (ga) hrvatski (hr) italiano (it) latviešu valoda (lv) lietuvių kalba (lt) magyar (hu) Malti (mt) Nederlands (nl) polski (pl) română (ro) slovenčina (sk) slovenščina (sl) suomi (fi) svenska (sv) foi proferido, em nome da UE, por Herman Van Rompuy e Durão Barroso. Quatro jovens europeus, vencedores de um concurso organizado pela UE na Internet (ver a seguir), faziam parte da delegação da UE que se deslocou a Oslo para receber o prémio.

Concurso

Para assinalar a atribuição do prémio, as instituições europeias e o Fórum Europeu da Juventude organizaram um concurso, pedindo aos jovens que explicassem o que significa para eles a paz na Europa.

O concurso foi dividido em duas categorias: uma para jovens entre os 8 e os 12 anos, que deviam concorrer com um desenho, e outra para jovens entre os 13 e os 24 anos, que deviam concorrer com um curto texto. Foram recebidas cerca de 5400 contribuições. Os vencedores foram escolhidos por um júri, presidido pelo autor de banda desenhada Jean Van Hamme, e por votação pública no Facebook.

Vencedores

Os quatro vencedores acompanharam a delegação oficial da União Europeia que se deslocou a Oslo para receber o Prémio Nobel da Paz de 2012. Puderam assim assistir, a 10 de dezembro, à cerimónia oficial e, a 11 de dezembro, ao concerto do Prémio Nobel da Paz de 2012.

«O Prémio Nobel da Paz de 2012 não é apenas o reconhecimento das conquistas passadas da UE: é também uma mensagem para o futuro», afirmaram os dirigentes das instituições da UE. «É por isso que queremos que os jovens que herdam um continente de paz e que serão responsáveis pelo futuro da Europa estejam connosco em Oslo».

Mais informações sobre o concurso

Eurobarómetro - A União Europeia e o Prémio Nobel da Paz Englishfrançais

Vídeos

Prémio Nobel da Paz® 2012 – pontos altos

  • Prémio Nobel da Paz® 2012 – pontos altos

  • Atuamos onde somos precisos

  • Tão iguais, tão diferentes, tão europeus (os tesouros escondidos da Europa)

  • Desde a queda do muro de Berlim até ao alargamento a dez novos países

 Ver também

CONTACTO

Pedidos de informação

Telefone gratuitamente para o
00 800 6 7 8 9 10 11 Funcionamento do serviço telefónico

Envie as suas perguntas por correio electrónico

Contactos e informações sobre as visitas às instituições, contactos com a imprensa

Ajude-nos a melhorar

Encontrou a informação que procurava?

SimNão

O que procurava?

Tem alguma sugestão?